CORREIO GOURMAND    

Home

|

O CORREIO GOURMAND

|

CUPOM GOURMAND

|

SORTEIO DO MÊS

|

PREMIADOS

|

PROMOÇÕES

PROMOÇÕES

CORREIO GOURMAND

CADERNO DE CULTURA GASTRONÔMICA CADERNO GASTRONOMIA EM NOTÍCIAS DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS CADERNO SAÚDE & SABOR

CADERNO FOODSERVICE

CADERNO DE RECEITAS VÍDEOS GOURMANDS

CADERNO ROTEIROS TURÍSTICOS

 

CADERNO DE CULTURA GASTRONÔMICA

CADERNO DE NOTÍCIAS

DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS

CADERNO SAÚDE & SABOR

CADERNO FOODSERVICE

CADERNO DE RECEITAS

VÍDEOS GOURMANDS

CADERNO ROTEIROS TURÍSTICOS

CORREIO GOURMAND

Mapa do Portal

 
GUIAS GOURMANDS

GUIA ONDE COMER BEM

GUIA ONDE SE HOSPEDAR
GUIA FAZENDO FESTA
GUIA DE ESCOLAS E CURSOS DE GASTRONOMIA
GUIA ONDE COMPRAR PRODUTOS GASTRONÔMICOS
GUIA DO MERCADÃO DE SÃO PAULO
 

   

Apoio cultural: 

APROVADO  

   

 

 

 

AMOR E KARMA

 

Dulce Regina
Ana Carina Swarowsky
 

 

A filosofia do Karma se refere à lei de causa e efeito, ou seja, o que se planta, se colhe. Segundo a astróloga kármica Dulce Regina, quando as pessoas se encontram, já trazem uma bagagem espiritual juntas. Normalmente, nos encontramos várias e várias vidas com as mesmas pessoas e no decorrer dessas experiências, acabamos agindo, muitas vezes, de forma "errada" ou negativa, adquirindo karmas.
 

Aproveitando o Dia dos Namorados, podemos falar um pouco mais de relações a dois, entendendo alguns karmas principais entre casais. E para ajudar a melhorar o relacionamento nesses casos, conversamos com a naturóloga Ana Carina Swarowsky, que sugeriu alguns alimentos que, com suas funções terapêuticas, podem ajudar na relação a dois.

 

Amor: Quando alguém não dá amor para o outro em um relacionamento, não demonstrando afeto, cuidado e carinho, esta pessoa está adquirindo um karma de amor. Quando existe este aspecto entre um casal, a pessoa que não recebeu amor em encarnações anteriores fica carente e insegura, podendo gerar instabilidade entre os dois.

 

Pra ativar o afeto, a pessoa deve sentir-se bem consigo e estar relaxada. O estresse, tão comum hoje em dia, faz com que as pessoas preocupem-se mais consigo mesmas. Para aliviar tensões diárias e assim abrir os pensamentos e ações ao próximo, adicione ao cardápio:

  • Aveia, que age como restaurador do sistema nervoso central. Pode ser cozido com água , banana e canela ou adicionado a sopas com verduras.
     

  • Comidas ricas em vitaminas do complexo B nutrem os nervos, tão desgastados por trânsito, poluição, telefone, computadores etc... Inclua pólen de abelhas (tenha certeza de que não é alérgico, observe seu organismo ao ingeri-lo), grãos integrais, nozes e sementes. Uma boa comida de inverno rica em vitaminas B é o pinhão, aproveite!

Poder: Quando uma relação envolve um karma de poder, normalmente é muito intensa e conturbada. Esse tipo de cobrança espiritual significa que a pessoa exerceu sua autoridade de forma negativa sobre o outro em vidas anteriores. Hoje, ela pode ter uma tendência em se tornar possessiva, enquanto o outro tem medo de perder sua liberdade, mas ao mesmo tempo se vê atraído pela força do parceiro.


Para diminuir a agressividade, nada como acalmar o fígado e abrir, assim, o coração, diz a medicina chinesa. Estas dicas são ótimas para limpar o organismo e aliviar os trabalhos do fígado:

  • Suco de ¼ de limão em um copo de água morna em jejum.
     

  • Incluir alimentos de sabor amargo na comida, como: agrião, rabanete, limão e rúcula. Isso ajuda o fígado a trabalhar com mais eficiência.
     

  • Incluir também na alimentação, frutas e verduras ( de preferência orgânicas devido ao alto teor de nutrientes ) de cores fortes. Por terem antioxidantes, limpam o fígado. Destacam-se a beterraba, cenoura, pimentão, abóbora, morango, uvas, couve, repolho e alface. Como estamos no inverno, comidas cozidas e quentes são recomendadas.
     

  • Evite frituras, farinhas refinadas, açúcares refinados, gordura animal ou saturada como margarina , sorvetes, maionese . Troque por azeite de oliva, nozes, sementes, cereais integrais e manteiga com moderação.

Limpe a braveza e espere. O coração se expande naturalmente.

 

Comunicação: Quando algum dos parceiros teve dificuldade em se comunicar com o outro em vidas passadas, ele será cobrado nesta para que seja claro e transparente. A outra pessoa, muitas vezes, se sentirá enganada ou insegura. Mas este aspecto pode ser trabalhado exercitando a comunicação entre o casal. Neste caso, ambos devem sempre estar atentos em falar o que estão sentindo.

 

Para ativar a comunicação, devemos nos voltar ao chakra da garganta. Quando ele está em desequilíbrio, há dor de garganta, aftas, escoliose, glândulas inchadas, deficiências da tireóide, laringites, problemas de voz, dente ou gengiva, além dos problemas emocionais.

  • Recomendo frutas e verduras com muita vitamina C para a saúde da gengiva e células em geral. Goiaba, couve, brócolis, abacaxi, limão e acerola se destacam entre as melhores.
     

  • Sopas e líquidos mornos são favoráveis à quietação de gargantas e glândulas inflamadas.

Para a tireóide, caso haja problemas, evite os produtos da soja ( com exceção de miso e molho de soja ), verduras cruas e reduza a proteína animal ( leite e derivados, carnes diversas.)

 

Espiritual: Esta relação talvez seja a mais leve. Um karma espiritual significa que a pessoa não ajudou a outra a se desenvolver espiritualmente em outras encarnações. Mas se estão se encontrando hoje é porque os espíritos de ambas estão dispostos e interessados em crescer juntos. A única dificuldade é que, às vezes, apesar da grande afinidade de energia, podem ficar distantes nas questões físicas, materiais e concretas da vida.


Para esses casos, sugerimos alguns alimentos e temperos que vão ajudar a aumentar a libido do casal:

  • O Álcool, cigarro e maconha diminuem o desejo sexual, assim como pesticidas, remédios, poluição, diversas toxinas e alguns remédios.
     

  • Coma zinco para a saúde dos órgãos reprodutivos : ovos orgânicos, peixes, cogumelos, nozes e sementes, especialmente de abóbora e girassol, cereais integrais. Geléia real e pólen de abelhas são muito benéficos.
     

  • Temperos como cravo, canela, anis, baunilha, noz moscada e ervas como damiana, marapuama, ginseng siberiano, catuaba e withania fazem a diferença!

 

 

 

 

AS AUTORAS:

 

Dulce Regina
Com mais de 20 anos de experiência, Dulce Regina é pioneira em unir astrologia kármica e terapia de vidas passadas. Ela utiliza o mapa astral como um diagnóstico espiritual, realizando uma leitura aprofundada e baseada na análise dos karmas e da missão de cada um. Autora de 5 livros no Brasil, 3 deles publicados também em Portugal e um na Espanha e América Latina, a terapeuta é referência internacional, oferecendo palestras, cursos e atendimentos em diversos países. Mais informações no 
www.dulceregina.com.br

 

Ana Carina Swarowsky:
Brasileira, formada em naturologia pelo Nature Care College, Austrália, país avançado neste ramo, também estudou Ciências da Saúde pela University of New England e fez Pós Graduação em Iridologia Aplicada e Medicina Ayurvédica. Envolvida na prevenção e no tratamento do ser humano como um todo, possui experiência em atendimento clínico em Sydney, como naturóloga e iridóloga. Em 2006, retornou ao Brasil para trazer seus conhecimentos e aplicá-los em seu país de origem, contribuindo para que nossa sociedade seja cada vez mais saudável, natural e feliz!

 
  Você gostou? então compartilhe!!  
 
 

Voltar ao topo

 
 

 

 

 

História Dos SENTIMENTOS

 

Conta-se que, certa vez, se reuniram todos os sentimentos, qualidades e defeitos dos homens em um lugar da Terra.

Quando o ABORRECIMENTO havia reclamado pela terceira vez, a LOUCURA, como sempre tão louca, lhes propôs:

- Vamos brincar de esconde-esconde?

A INTRIGA levantou a sobrancelha intrigada e a CURIOSIDADE, sem poder conter-se, perguntou:

- Esconde-esconde? Como é isso?

 

- É um jogo. explicou a LOUCURA, em que eu fecho os olhos e começo a contar de um a um milhão enquanto vocês se escondem, e quando eu tiver terminado de contar, o primeiro de vocês que eu encontrar ocupará meu lugar para continuar o jogo.
 

O ENTUSIASMO dançou seguido pela EUFORIA.
 

A ALEGRIA deu tantos saltos que acabou por convencer a DÚVIDA e até mesmo a APATIA, que nunca se interessava por nada. Mas nem todos quiseram participar: 


A VERDADE preferiu não esconder-se. - Para que, se no final todos me encontram? - Pensou.
 

A SOBERBA opinou que era um jogo muito tonto e a COVARDIA preferiu não arriscar-se.


- Um, dois, três, quatro... - Começou a contar a LOUCURA.


A primeira a esconder-se foi a PRESSA qu como sempre, caiu atrás da primeira pedra do caminho. A FÉ subiu ao céu e a INVEJA se escondeu atrás da sombra do TRIUNFO que, com seu próprio esforço, tinha conseguido subir na copa da árvore mais alta.


A GENEROSIDADE quase não conseguiu esconder-se pois cada local que encontrava, lhe parecia maravilhoso para algum de seus amigos: Se era um lago cristalino, ideal para a BELEZA. Se era a copa de uma árvore, perfeito para a TIMIDEZ. Se era o vôo de uma borboleta, o melhor para a VOLÚPIA. Se era uma rajada de vento, magnífico para a LIBERDADE. E assim, acabou escondendo-se num raio de sol.


O EGOÍSMO, ao contrário, encontrou um local muito bom desde o início. Ventilado, cômodo, mas apenas para ele.


A MENTIRA escondeu-se no fundo do oceano (mentira, na realidade, escondeu-se atrás do arco-íris) e a PAIXÃO e o DESEJO, no centro dos vulcões. O ESQUECIMENTO, não recordo-me onde escondeu-se, mas isso não é o mais importante.

 

Quando a LOUCURA estava lá pelo 999.998, o AMOR ainda não havia encontrado um lugar para esconder-se, pois todos já estavam ocupados, até que encontrou uma rosa e, carinhosamente, decidiu esconder-se entre suas flores.


- Um milhão! - terminou de contar a LOUCURA e começou a busca.


A primeira a aparecer foi a PRESSA, apenas a três passos de uma pedra. Depois, escutou-se a FÉ discutindo com DEUS, no céu, sobre zoologia. Sentiu vibrar a PAIXÃO e o DESEJO nos vulcões. Em um descuido, encontrou a INVEJA e claro, pode deduzir onde estava o TRIUNFO.
 

O EGOÍSMO, não teve nem que procurá-lo. Ele sozinho saiu disparado de seu esconderijo, que na verdade era um ninho de vespas.

 

De tanto caminhar, sentiu sede e, ao aproximar-se de um lago,  descobriu a BELEZA. A DÚVIDA foi mais fácil ainda, pois a encontrou sentada sobre uma cerca sem decidir de que lado esconder-se.

 

E assim, foi encontrando a todos: O TALENTO entre a erva fresca, a ANGÚSTIA em uma cova escura, a MENTIRA atrás do arco-íris (mentira, estava no fundo do oceano) e até o ESQUECIMENTO, que já havia esquecido que estava brincando de esconde-esconde.


Apenas o AMOR não aparecia em nenhum local. A LOUCURA procurou atrás de cada árvore, em baixo de cada rocha do planeta e em cima das montanhas. Quando estava a ponto de dar-se por vencida, encontrou um roseiral. Pegou uma forquilha e começou a mover os ramos, quando, no mesmo instante, escutou-se um doloroso grito. Os espinhos tinham ferido o AMOR nos olhos.

 

A LOUCURA não sabia o que fazer para desculpar-se. Chorou, rezou, implorou, pediu e, por fim, prometeu ser seu guia.

Desde então, desde que pela primeira vez se brincou de esconde-esconde na Terra, o AMOR é cego e a LOUCURA sempre o acompanha.

   

    Voltar ao topo  

 

  no Correio Gourm@nd  

 

APOIO:

 

 

 

 

Ovadia Saadia Comunicações

 

 

 

 

|

|

 

Copyright ©  -  VB Bureau de Projetos e Textos

Atualizado em: 02 janeiro, 2018.

 
 

Voltar ao topo