CORREIO GOURMAND    

Home

|

O CORREIO GOURMAND

|

CUPOM GOURMAND

|

SORTEIO DO MÊS

|

PREMIADOS

|

PROMOÇÕES

PROMOÇÕES

CORREIO GOURMAND

CADERNO DE CULTURA GASTRONÔMICA CADERNO GASTRONOMIA EM NOTÍCIAS DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS CADERNO SAÚDE & SABOR

CADERNO FOODSERVICE

CADERNO DE RECEITAS VÍDEOS GOURMANDS

CADERNO ROTEIROS TURÍSTICOS

 

CADERNO DE CULTURA GASTRONÔMICA

CADERNO DE NOTÍCIAS

DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS

CADERNO SAÚDE & SABOR

CADERNO FOODSERVICE

CADERNO DE RECEITAS

VÍDEOS GOURMANDS

CADERNO ROTEIROS TURÍSTICOS

CORREIO GOURMAND

Mapa do Portal

 
GUIAS GOURMANDS

GUIA ONDE COMER BEM

GUIA ONDE SE HOSPEDAR
GUIA FAZENDO FESTA
GUIA DE ESCOLAS E CURSOS DE GASTRONOMIA
GUIA ONDE COMPRAR PRODUTOS GASTRONÔMICOS
GUIA DO MERCADÃO DE SÃO PAULO
 

   

Apoio cultural: 

APROVADO  


 

 

OS SÍMBOLOS DO NATAL

 

 

Os Reis Magos

 

 

Segundo a tradição cristã, os Reis Magos foram homens que, guiados por uma estrela, saíram do Oriente e viajaram até Belém para visitar e adorar Jesus, tendo alcançado o seu intento no dia 6 de janeiro, portanto, 12 dias após o nascimento do menino-Deus.

 

 

 

Eram os Magos três reis?

 

Entretanto, repare no texto ao lado. Ele, praticamente, abre o Evangelho Segundo São Mateus, o primeiro do Novo Testamento, vindo após, apenas, da genealogia e do nascimento de Jesus. É o único texto não apócrifo da Bíblia que fala nos Magos que vieram do Oriente para adorar Jesus.

 

Mas, note que, em momento algum, o evangelista diz que os visitantes eram reis, nem mesmo que eram três, chama-os, apenas, de "magos", termo que, naqueles tempos, referia-se à classe dos sábios ou eruditos. Talvez fossem astrólogos ou astrônomos, já que chegaram à Judéia guiados por uma estrela.

 

Ainda assim, a tradição cristã os consagrou como os Três Reis Magos, reconhecendo-os como Baltasar, rei da Arábia, de cor negra, Melchior, rei da Pérsia, de cor clara, e Gaspar, rei da Índia, de cor amarela, representavam os povos de todas as nações conhecidas da época, simbolizando a homenagem de todos os povos da Terra ao Rei dos Reis.

 

Os presentes

 

Os Magos traziam consigo presentes para Jesus que tinham significados especiais:

  • O ouro, que representava nobreza e era presente oferecido apenas a reis;
     

  • O incenso, , um perfume que se queima, é usado durante as celebrações rituais e venerações religiosas, representando a fé e a divindade. Era um presente oferecido apenas a sacerdotes;
     

  • A mirra, usada para embalsamar corpos, simbolizando a imortalidade e que era presente oferecido aos profetas.

 

Provavelmente, justamente por serem três os presentes, concluiu-se que eram três os magos que presentearam.

 

 

Culto aos Reis Magos

 

O culto aos Reis Magos começou na Idade Média. No século 6, suas relíquias foram transladadas de Constantinopla (Istambul) para Milão. Em 1164, com os três já venerados como santos, elas foram colocadas na catedral de Colônia, na Alemanha, onde permanecem até hoje.
 

No século 19, os Reis Magos se tornaram distribuidores de presentes às crianças e, em muitos países, como Espanha, Portugal, Itália, México, Argentina, por exemplo, a troca de presentes não acontece no dia de Natal mas, sim, no dia 06 de janeiro, e não é o Papai Noel que traz os presentes, e sim, os Reis Magos. Muitas vezes, tal como acontece com o Papai Noel, os pais se fantasiam de Reis Magos para distribuir os presentes. Na Espanha, no dia 6 de janeiro há desfiles com reis magos em todo o país. De suas carruagens, eles jogam balas e doces para as crianças.

 

Na Itália, é a Befana que traz presentes para os bons e castigo para os maus meninos. De acordo com a lenda, os três Reis Magos pararam durante a ida até Belém e pediram comida e abrigo a uma velha senhora. Ela negou ajuda e então eles seguiram a viagem com fome e cansados. A velha senhora sentiu depois um aperto no coração, mas os Reis Magos já estavam muito longe. A lenda conta que A Befana ainda vaga pelo mundo procurando o menino Jesus e tem várias formas: uma rainha, uma fada, uma velha ou uma bruxa.

 

No Brasil, a festa acontece com o nome de "Festa dos Santos Reis" e reúne importantes manifestações culturais e folclóricas do País. CLIQUE AQUI e saiba mais sobre os festejos e o Dia de Reis.


 

Baltasar, rei da Arábia,

Gaspar, rei da Índia

Melchior, rei da Pérsia

 
  Você gostou? então compartilhe!!  
 
 

Voltar à página inicial de SÍMBOLOS DO NATAL

 

"1 Tendo, pois, Jesus nascido em Belém de Judá, no tempo do rei Herodes, eis que magos vieram do Oriente a Jerusalém. 2 Perguntaram eles: Onde está o rei dos judeus que acaba de nascer? Vimos a sua estrela no Oriente e viemos adorá-lo. 3 A esta notícia, o rei Herodes ficou perturbado e toda Jerusalém com ele. 4 Convocou os príncipes dos sacerdotes e os escribas do povo e indagou deles onde havia de nascer o Cristo. 5 Disseram-lhe: Em Belém, na Judéia, porque assim foi escrito pelo profeta: 6 E tu, Belém, terra de Judá, não és de modo algum a menor entre as cidades de Judá, porque de ti sairá o chefe que governará Israel, meu povo (Miq 5,2). 7 Herodes, então, chamou secretamente os magos e perguntou-lhes sobre a época exata em que o astro lhes tinha aparecido. 8 E, enviando-os a Belém, disse: Ide e informai-vos bem a respeito do menino. Quando o tiverdes encontrado, comunicai-me, para que eu também vá adorá-lo. 9 Tendo eles ouvido as palavras do rei, partiram. E eis que e estrela, que tinham visto no Oriente, os foi precedendo até chegar sobre o lugar onde estava o menino e ali parou. 10 A aparição daquela estrela os encheu de profunda alegria. 11 Entrando na casa, acharam o menino com Maria, sua mãe. Prostrando-se diante dele, o adoraram. Depois, abrindo seus tesouros, ofereceram-lhe como presentes: ouro, incenso e mirra. 12 Avisados em sonhos de não tornarem a Herodes, voltaram para sua terra por outro caminho.”

 

Evangelho Segundo São Mateus

Capítulo 2, Versículos 1 a 12

 

 

 

 

    Voltar ao topo  

 

  no Correio Gourm@nd  

 

APOIO:

 

 

 

 

Ovadia Saadia Comunicações

 

 

 

 

|

|

 

Copyright ©  -  VB Bureau de Projetos e Textos

Atualizado em: 02 janeiro, 2018.

 
 

Voltar ao topo