CORREIO GOURMAND    

Home

|

O CORREIO GOURMAND

|

CUPOM GOURMAND

|

SORTEIO DO MÊS

|

PREMIADOS

|

PROMOÇÕES

PROMOÇÕES

CORREIO GOURMAND

CADERNO DE CULTURA GASTRONÔMICA CADERNO GASTRONOMIA EM NOTÍCIAS DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS CADERNO SAÚDE & SABOR

CADERNO FOODSERVICE

CADERNO DE RECEITAS VÍDEOS GOURMANDS

CADERNO ROTEIROS TURÍSTICOS

 

CADERNO DE CULTURA GASTRONÔMICA

CADERNO DE NOTÍCIAS

DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS

CADERNO SAÚDE & SABOR

CADERNO FOODSERVICE

CADERNO DE RECEITAS

VÍDEOS GOURMANDS

CADERNO ROTEIROS TURÍSTICOS

CORREIO GOURMAND

Mapa do Portal

 
GUIAS GOURMANDS

GUIA ONDE COMER BEM

GUIA ONDE SE HOSPEDAR
GUIA FAZENDO FESTA
GUIA DE ESCOLAS E CURSOS DE GASTRONOMIA
GUIA ONDE COMPRAR PRODUTOS GASTRONÔMICOS
GUIA DO MERCADÃO DE SÃO PAULO
 

   

Apoio cultural: 

APROVADO  

   

 

História da Páscoa

Virgínia Brandão
 

 

Nos primórdios da humanidade, os povos que viviam no Hemisfério Norte promoviam grandes festas nesta época do ano, comemorando o final do longo e gelado Inverno e a tão ansiada chegada da Primavera. Festejava-se a alegria da passagem de um tempo escuro, frio e triste para um mundo iluminado, que fazia a natureza reviver, trazendo em seu bojo o calor e a fartura.

 

Na região do atual continente europeu, estas festas pagãs tinham como grande homenageada Eostre, a Grande Deusa Mãe teutônica da Alvorada e da Primavera, cuja figura é representada segurando um ovo na mão. A deusa e o ovo eram símbolos da chegada de uma nova vida. Eostre equivale, na mitologia grega, à Perséfone. Na mitologia romana, a Ceres. O nome feminino Esther também se origina daí.

 

Da festa profana à festa religiosa

 

A palavra Páscoa vem do hebraico Pessach, a chamada "Páscoa Judaica", que começou a celebrar-se há cerca de 3500 anos, quando os hebreus, pelas mãos de Moisés, iniciaram o "êxodo" (a viagem de libertação do seu povo de 400 anos de escravidão no Egito e a passagem através do Mar Vermelho). Comemoravam, assim, a passagem da escravidão para a libertação. Livres, eles formaram um povo com uma religião e um destino comuns. É com o sentido de libertação e vida nova que, até hoje, os judeus celebram est festa. A comemoração inclui, entre outras coisas, uma refeição, o Seder, onde se come o Cordeiro Pascal, pão sem fermento, ervas amargas e muito vinho.

 

Os cristãos também comemoram a Páscoa. No entanto, o significado da festividade é diferente no cristianismo. Nela, celebra-se a ressurreição de Jesus Cristo que, segundo a Bíblia, ocorreu três dias depois da sua crucificação. Ela é a principal festa do ano litúrgico cristão e, provavelmente, uma das mais antigas, pois surgiu nos primeiros anos do cristianismo. Ainda que todos os domingos do ano sejam destinados pelas igrejas cristãs de todo o mundo à celebração da ressurreição de Cristo (o que é feito por meio da Eucaristia), no domingo de Páscoa, esse acontecimento ganha destaque, já que se festeja uma espécie de aniversário da ressurreição.

 

Seja qual for a sua fé - judaica, cristã, na natureza, no homem - esse é um bom momento para se lembrar que o renascer é um milagre possível. E, tomara, que a energia renovadora da Páscoa inspire a cada um de nós a renascer melhor e mais forte a cada dia.

 

PÁSCOA - Celebrando a Vida, o Renascer e a Esperança

 
  Você gostou do CORREIO GOURMAND? então compartilhe!!  
 
 
Voltar à página principal de GRANDES DATAS FESTIVAS
 
 

    Voltar ao topo  

 

  no Correio Gourm@nd  

 

APOIO:

 

 

 

 

Ovadia Saadia Comunicações

 

 

 

 

|

|

 

Copyright ©  -  VB Bureau de Projetos e Textos

Atualizado em: 02 janeiro, 2018.

 
 

Voltar ao topo