CORREIO GOURMAND    

Home

|

O CORREIO GOURMAND

|

CUPOM GOURMAND

|

SORTEIO DO MÊS

|

PREMIADOS

|

PROMOÇÕES

PROMOÇÕES

CORREIO GOURMAND

CADERNO DE CULTURA GASTRONÔMICA CADERNO DE NOTÍCIAS DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS CADERNO SAÚDE & SABOR

CADERNO FOODSERVICE

CADERNO DE RECEITAS VÍDEOS GOURMANDS

CADERNO ROTEIROS TURÍSTICOS

 

CADERNO DE CULTURA GASTRONÔMICA

CADERNO DE NOTÍCIAS

DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS

CADERNO SAÚDE & SABOR

CADERNO FOODSERVICE

CADERNO DE RECEITAS

VÍDEOS GOURMANDS

CADERNO ROTEIROS TURÍSTICOS

DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS

Mapa do Portal

 
GUIAS GOURMANDS

GUIA ONDE COMER BEM

GUIA ONDE SE HOSPEDAR
GUIA FAZENDO FESTA
GUIA DE ESCOLAS E CURSOS DE GASTRONOMIA
GUIA ONDE COMPRAR PRODUTOS GASTRONÔMICOS
GUIA DO MERCADÃO DE SÃO PAULO
 

  DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS  

DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS

Alimentando o saber, aprimorando o paladar...

 

Apoio cultural: 

APROVADO  

 

AÇÚCAR

 

O AÇÚCAR

 

Açúcar é um produto alimentar fabricado industrialmente, de sabor doce, solúvel na água, extraído, sobretudo, da cana-de-açúcar e da beterraba. Também é chamado sacarose.

 

A princípio, o açúcar era empregado, quase que exclusivamente, na medicina. Mais tarde, comprovaram-se suas qualidades de alimento fundamental, que proporciona calor e energia e é ingrediente básico na formação da gordura.

 

Alimento energético perfeito e inteiramente digestível pelo organismo humano, é um composto químico de carbono (teor variável), hidrogênio e oxigênio, estes na relação constante de dois para um, como na água. O açúcar contribui para nutrir as plantas, que o elaboram com base no anidrido carbônico retirado do ar e da água. A planta o armazena em determinados tecidos para consumi-lo durante o crescimento e para formação de fibras, sementes etc.

 

Comercialmente, o açúcar recebe o nome da planta de onde provém, sendo os mais importantes os de cana e de beterraba, que, depois de refinados, tornam-se carboidratos puros. Esses dois tipos de açúcar são bastante parecidos e o rendimento industrial é igual.

 

Em laboratórios químicos, também, é possível obter-se outras formas de açúcares, os sintéticos. Do alcatrão, por exemplo, obtém-se a sacarina, 300 vezes mais doce que o açúcar de cana, mas sem nenhum valor nutritivo.

 

 

Propriedades Nutricionais

 

Em 100 gramas de açúcar encontramos:

 

  Refinado Mascavo e demerara Orgânico Frutose
Energia 387 kcal 376 kcal 399 kcal 400 kcal
Carboidratos 99,90g 97,30g 99,3g n/d
Vitamina B1 n/d 0,010mg n/d n/d
Vitamina B2 0,020mg 0,010mg n/d n/d
Vitamina B6 n/d 0,030mg n/d n/d
Cálcio 1,0mg 85mg n/d n/d
Magnésio n/d 29mg n/d n/d
Cobre 0,040mg 0,300mg n/d n/d
Fósforo 2mg 22mg n/d n/d
Potássio 2mg 346mg n/d n/d
Proteína n/d n/d 0,5% n/d

 

Fonte: Profª Dra. Sonia Tucunduva Philippi

 

.

Açúcar de cana

 

A cana e o açúcar são conhecidos desde a mais remota Antiguidade, mas os métodos de produção deste alimento edulcorante pouco mudaram de lá para cá.

 

Submetida ao simples processo de esmagamento, a cana fornece de 60 a 75% de suco doce e potável (garapa ou caldo de cana), rico em sais minerais e açúcares vegetais como glicose e sacarose. A evaporação da garapa fornece um melado ou xarope que, submetido a diferentes tratamentos, dá os diversos tipos de açúcar encontrados no comércio: refinado, cristal, mascavo, demerara, rapadura, etc.

 

O álcool, a cachaça e o rum são fabricados a partir do melaço que se desprende dos cristais de açúcar nos coadores centrífugos. O melaço é empregado, também, como fertilizante e como alimento para o gado bovino.

 

 

Açúcar de beterraba

 

Na fabricação do açúcar de beterraba, as raízes são cortadas em rodelas e submetidas a um processo de difusão, a fim de facilitar a saída do açúcar através de membranas do tecido vegetal, o que se consegue aquecendo as rodelas em recipientes adequados. Por compressão, extrai-se o sumo açucarado do resíduo. O caldo é clareado sob a ação sucessiva de uma massa de cal e de dióxido de carbono, em seguida é filtrado, descorado, evaporado e, por fim, cristalizado. Em algumas fábricas já se obtém o açúcar branco, mas em geral o produto é submetido ao processo de refinação.

 

A beterraba açucareira (Beta vulgaris, variedade Saccharifera Alefeld) só foi cultivada no Egito e no Sul da Europa, embora fosse encontrada, em estado selvagem, na Ásia. Era usada como legume e como alimento para o gado. Guilherme III, rei da Prússia, interessou-se por suas pesquisas e financiou a primeira fábrica de açúcar de beterraba do mundo: a de Cunern, que começou a funcionar em 1802.

   DOCES

  Você gostou? então compartilhe!!  
 

Voltar à página principal de AÇÚCARES E ADOÇANTES

 
 
 
O AÇÚCAR
HISTÓRIA
PRODUÇÃO E CONSUMO
TIPOS
PROPRIEDADE NOS ALIMENTOS
A CANA DE AÇÚCAR
HISTÓRIA DA CANA DE AÇÚCAR
A RAPADURA
 

 

AÇÚCAR

do sânscrito çarkara, sarkara ou sakkara

 

Outros idiomas:

Francês - Sucre

Italiano - Zucchero

Espanhol - Azúcar

Inglês - Sugar

Alemão - Zucker

Árabe - Sukkar

Latim - Saccharum

Turco - Seker

Grego - Sákharon

 

 

 

AÇÚCAR: Sacarose obtida de Saccharum Officinarium, por processos industriais adequados, livre de fermentação. Utilizado na alimentação como edulcorante natural.

 

O açúcar comum ou sacarose, de cana ou de beterraba, é um dissacarídeo de fórmula condensada C12H22011, isômero (quando existem dois ou mais compostos químicos com fórmulas e pesos moleculares idênticos mas com propriedades diferentes) da maltose e da lactose. Apresenta-se sob forma de pequenos cristais. É branco, inodoro, solúvel em água, insolúvel no álcool absoluto e no éter, a frio; apresenta densidade de 1,58 e ponto de fusão de 180o C; decompõe-se a 200o C, antes de entrar em ebulição. É hidrolisável (hidrólise - processo químico baseado na decomposição de uma substância pela ação da água), quando aquecido com ácidos diluídos, segundo a reação denominada inversão.

 

 

Fonte: Fundação Joaquim Nabuco

Enciclopédia Britânica

Cia União

Embrapa

Faculdade de Saúde Pública / USP 

 

    Voltar ao topo  

 

  no Correio Gourm@nd  

 

APOIO:

 

 

 

 

Ovadia Saadia Comunicações

 

 

 

 

|

|

 

Copyright   -  VB Bureau de Projetos e Textos

Atualizado em: 02 janeiro, 2018.

 
 

Voltar ao topo