CORREIO GOURMAND    

Home

|

O CORREIO GOURMAND

|

CUPOM GOURMAND

|

SORTEIO DO MÊS

|

PREMIADOS

|

PROMOÇÕES

PROMOÇÕES

CORREIO GOURMAND

CADERNO DE CULTURA GASTRONÔMICA CADERNO DE NOTÍCIAS DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS CADERNO SAÚDE & SABOR

CADERNO FOODSERVICE

CADERNO DE RECEITAS VÍDEOS GOURMANDS

CADERNO ROTEIROS TURÍSTICOS

 

CADERNO DE CULTURA GASTRONÔMICA

CADERNO DE NOTÍCIAS

DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS

CADERNO SAÚDE & SABOR

CADERNO FOODSERVICE

CADERNO DE RECEITAS

VÍDEOS GOURMANDS

CADERNO ROTEIROS TURÍSTICOS

DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS

Mapa do Portal

 
GUIAS GOURMANDS

GUIA ONDE COMER BEM

GUIA ONDE SE HOSPEDAR
GUIA FAZENDO FESTA
GUIA DE ESCOLAS E CURSOS DE GASTRONOMIA
GUIA ONDE COMPRAR PRODUTOS GASTRONÔMICOS
GUIA DO MERCADÃO DE SÃO PAULO
 

  DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS  

DICIONÁRIOS GASTRONÔMICOS

Alimentando o saber, aprimorando o paladar...

 

Apoio cultural: 

APROVADO  

 

 

AVESTRUZ

A maior das aves

 

 

O Avestruz (Struthio camelus) é uma ave da ordem dos estrutioniformes, que, ao longo de sua evolução, perdeu a capacidade de voar, adaptando-se à vida no solo. O avestruz pode alcançar alturas superiores a 2,5m e chega a pesar até 155kg. A plumagem dos machos é negra, embainhada de branco nas asas e na cauda, enquanto nas fêmeas, de menor tamanho, as penas apresentam coloração parda.

 

É uma ave corredora de grande porte e está incluído no grupo das "Ratitas", (RATITAS , vem do Latim, significando "jangada"). Apareceram há cerca de 65 milhões de anos, no fina do Período Mesozóico e início do Cenozóico. Estas aves corredoras, a partir de um tronco comum, sofreram um processo de especiação devido ao isolamento geográfico ocorrido durante a separação dos continentes e, por esse motivo, só são encontrados representantes das ratitas no Hemisfério Sul.

 

O esterno destas aves é plano, desprovido de carena, ao contrário das aves voadoras. A carena nas aves voadoras, é sede de inserção dos potentes músculos peitorais. O avestruz não é uma ave voadora, logo, não tem músculos peitorais desenvolvidos como um pato ou galinha. Deste fato decorre uma importante peculiaridade produtiva do avestruz: a maior quantidade de carne produzida não estará no peito, mas nas coxas e dorso, já que trata-se de animal corredor.
 

O grupo das ratitas inclui: 

 

Avestruz Struthio Camelus Australis Originário da África do Sul
Ema Rhea Americana ou Pterocnemia Pennata       Originária da América do Sul  Brasil,  Argentina, Uruguai e Paraguai.
Causar Casuarius Casuarius Originário da Nova Guiné.
Emu Australiano Dromaius Novaehollandie Originário da Austrália.
Kiwi Apteryx Originário da Nova Zelândia

 

 

O avestruz é originário da África, e se divide em 5 diferentes subespécies das quais  as mais conhecidas  comercialmente são:

  • Black Neck - Pescoço Preto - mais conhecido como African Black é um animal domesticado (Struthio Camelus Domesticus) fruto de seleção empírica feita pêlos sul-africanos ao longo dos últimos 150 anos.

  • Red Neck - Pescoço Vermelho - É uma ave mais agressiva que pode chegar a atacar pessoas uma vez sentindo-se ameaçada.

  • Blue Neck - Pescoço Azul - É uma ave também agressiva. Não gosta do convívio com pessoas nem com outras raças de avestruz.

Esta classificação se baseia na coloração da pele dos animais adultos, pois, na verdade todos apresentam a mesma coloração das plumas (Machos preto e Fêmeas Cinza).

A seleção foi feita com base em certas características produtivas:

  • Maior fertilidade e precocidade - Maior número de ovos e início da postura precoce.

  • Docilidade - Manejo é mais simples.

  • Alta densidade de plumas - Maior ganho com esta venda.

  • Não existe uma raça que seja superior a outra. As "Red" e "Blue" tem maior porte, mas iniciam a postura mais tarde e são mais agressivas. Há muito cruzamento entre as diferentes raças, gerando grande variabilidade (animais com características diferentes). Ainda existe muito trabalho a ser feito em termos de melhoramento genético cruzando as diferentes raças, até que se obtenha uma ave perfeita, que comece a postura mais cedo, etc. Este trabalho está começando agora a ser desenvolvido no Brasil e deve demorar cerca de 50 anos.

Temporada reprodutiva   

A temporada reprodutiva em nosso hemisfério é de Setembro a Março.

A fêmea, em postura, coloca de 30 a 60 ovos por ano, dos quais, mais de 50% são fecundados.

 

Os ovos férteis são incubados por 42 dias, gerando novas aves, em média 50% macho e 50% fêmea.

 

Alimentação / Rusticidade

O Avestruz é o segundo animal mais rústico do mundo, sendo o primeiro o camelo. Agüenta até 8 dias sem beber água.

 

Embora essas aves sejam onívoras, sua dieta consiste principalmente em ervas, frutos, sementes, invertebrados, insetos, répteis e até mesmo mamíferos de pequeno porte. Ingerem também pedras, que lhes ajudam a triturar os tecidos coriáceos de certos vegetais.
 

Sua taxa de conversão alimentar é de 4 X 1 (ele come quatro quilos de comida (em criatório, capim e ração), para produzir 1 quilo de carne), enquanto a taxa do boi e de 25X1.

 

O avestruz ingere pedras com tamanho aproximado da metade de sua própria unha. Ofereça pedregulhos (pedra de rio) desinfetada e lavada. Tenha muito cuidado com os materiais estranhos (pregos, lascas de madeiras, plásticos, fios, ...) nos locais freqüentados pelos avestruzes, pois tais materiais podem ser ingeridos e causar acidentes nas aves.

 

Manejo

Seu manejo é simples e não necessita de alto grau de investimento na qualificação de sua mão de obra, pois as técnicas de manejo são fáceis de serem transmitidas e absorvidas desde o estágio experimental até a fase de maturidade de uma criação.

 

Maiores criadores:

 

na Europa:
Inglaterra
Holanda
Espanha
Itália
Polônia
no resto do mundo: 
África do Sul
Austrália
Israel
Canadá
Estados Unidos
China

 

 

Obs.: A China é um dos países em que mais cresce a estrutiocultura.

 

 

 

Os produtos do avestruz são:

·     

Carne - É o produto que está dando mais impulso a criação comercial de avestruzes atualmente. A carne está sendo redescoberta por ser semelhante à carne de bovinos em termos de aspecto, sabor e textura mas com a vantagem de ter alto valor protéico e baixos teores de gordura e colesterol. Esta característica da carne se deve à distribuição de gorduras no organismo do animal: estas se localizam em volta do estômago e sob a pele, propiciando cortes de carne magra e couro extremamente macio. Mercado consumidor está nos Estados Unidos e Europa. A Suíça importa 200/300 toneladas por ano de carne de avestruz. No Brasil existe um grande interesse por carnes exóticas, e a carne de avestruz vem sendo gradualmente introduzida nos cardápios dos restaurantes diferenciados e se tornando conhecida de gourmets e gourmands.

 

 

 

Comparação entre os valores nutricionais de diferentes tipos de carne (por 85 g)

 

Tabela Nutricional
 Carne
Avestruz
Frango
Peru
Boi
Porco
Calorias
96,6
140
135
240
275
Proteínas
22
27
25
21
24
Gordura
1,2
3
3
15
19
Gordura Saturada
0
0,9
0,9
6,4
7
Gordura Monoinsaturada
0
1,1
0,5
6,9
8,8
Gordura Poliinsaturada
0
0,7
0,7
0,6
2,2
Colesterol
58
73
59
77
84
Carboidrato
2,1
0
0
0
0
Cálcio 5,2 13 16 9  

                                                                                       Fonte "Nutritive value of foolds"  USDA 1995

 

 

 

É fácil de preparar, sendo livre de hormônios, esteróides e antibióticos. É 100% natural, sem aditivos bioquímicos.

 

Couro - Grande aceitação e procura no mercado internacional. Cada animal irá produzir de 1,2 a 1,5 m de couro de fácil extração e curtimento, aceita bem várias cores e é naturalmente decorado (Cálamos). Está sendo usado em substituição do couro de répteis como o de crocodilo e o de cobra, pois o avestruz não é um animal protegido.

 

Plumas - Maior produtor é a África do sul, o mercado consumidor está na Europa, Ásia e Américas. São classificadas em vários tipos: as que tem mais estática vão para as indústrias automobilísticas, as mais longas e bonitas são usadas como adornos e as outras usadas nos espanadores. No Brasil temos um mercado seguro para as plumas (carnaval), mas este não é o produto mais interessante do avestruz.

 

Ovos - Pesam entre 1.200 e 1.800 g. Tem sabor muito semelhante ao ovo de galinha. Hoje ainda não é consumido, porque está sendo usado na formação de plantéis reprodutores.  

·

Outros - Cascas vazias dos ovos são usadas na decoração (porta moedas ,abajur, porta jóias, etc.); a gordura entra na indústria de cosméticos, na preparação de cremes e pomadas; os cílios podem ser utilizados para a confecção de cílios postiços; a carcaça pode entrar na composição de rações.

 

O avestruz alcança o peso de abate por volta de 12 meses de idade, produzindo em média:

  • Entre 30 e 40 kg de carne limpa, sendo a metade de carne de primeira e metade de carne de segunda. A carne de primeira é composta de pedaços inteiros tipo filé, e a carne de segunda é assim chamada não por tratar-se de carne de menor qualidade em termos de composição e maciez, mas, porque vem em pedaços menores, sendo ideal para a preparo de pratos tipo strogonoff.

  • Entre 1 e 2 kg de plumas

  • E entre 1,2 a 1,5 m de couro.

  • O rendimento por animal abatido é proporcionalmente baixo (30% do peso vivo) se comparado com o rendimento de bovinos, sendo este fato largamente compensado pela grande produção de filhotes, durante o período de 3 (três) anos (prazo médio de gestação e engorda do bezerro, para abate), como demonstrado a seguir:

 

Tabela de Diferenciação Entre Criação de Avestruz e o Boi
 
Avestruz
Boi
Números de Crias
30/ano
1/ano
Período de gestação
42 dias
270 dias
Idade de abate
13 meses
36 meses
Carne por ano
35Kg
250Kg
Vida economicamente ativa
40 anos
10 anos
Couro
30 peças (108)
1 peça (5 m²)
Área necessária
150 cabeças/alq./ano
2.5 cabeças/alq./ano

 

 

O avestruz é uma ave que gera em quantidade produtos de primeira qualidade e com baixos custos de produção, já que não requer muitas construções, estruturas ou mão de obra.

 

Semelhante ao avestruz é a ema (Rhea americana), o nhandu dos indígenas, ave reiforme da América do Sul, que difere do avestruz pelas menores dimensões e por apresentar um terceiro dedo. Outra espécie relacionada com o avestruz é o emu (Dromiceius novae hollandiae), de plumagem cinza-escura, encontrado exclusivamente na Austrália.
 


 

 

Fontes: Axima Avestruz

Enciclopédia Britânica

Avestruz.com.br

 Voltar à página principal de AVES

 
 



AVESTRUZ

 

Outros idiomas:

Francês - Autruche

Italiano - Struzzo

Espanhol - Avestruz

Inglês - Ostrich
Alemão - Strauß

Característicos desses animais são seu longo pescoço, branco e desprovido de plumas e suas vigorosas patas, igualmente desnudas, que terminam em dois dedos, um dos quais é mais volumoso e protegido por uma unha. Esses membros transformam o avestruz em ave corredora, que pode atingir uma velocidade de quase 65km. Esse fato, além da vista apuradíssima, ajuda muito o avestruz a sobreviver no duro habitat da savana africana. Sua área de distribuição compreende grande parte do continente africano, desde o limite meridional do Saara até as regiões próximas da África do Sul.


Na época do cio, os machos delimitam seus territórios, para os quais acorrem as fêmeas. Os ovos chegam a alcançar até 1,5kg, incubados por seis ou sete semanas. Essas aves, além de constituírem fonte de alimento para os diversos povos aborígines da África, sofreram devastadoras campanhas de caça, pois suas penas foram muito apreciadas para a decoração de trajes e chapéus femininos, especialmente nas primeiras décadas do século 20. Hoje em dia, o avestruz, a maior ave que existe, é criado em granjas dotadas de meios adequados para seu melhor aproveitamento.

 

    Voltar ao topo  

 

  no Correio Gourm@nd  

 

APOIO:

 

 

 

 

Ovadia Saadia Comunicações

 

 

 

 

|

|

 

Copyright   -  VB Bureau de Projetos e Textos

Atualizado em: 02 janeiro, 2018.

 
 

Voltar ao topo