BOLETIM GOURMAND - linha direta com o melhor da gastronomia

 

 

 

   

CHARUTOS FOLHAS DE UVA

   

Eliana Rosebaum Didio

Cozinha Típica Judaica

 

 

 

Categoria: Prato Principal

Tipo de Cozinha: judaica

Rendimento: 6 porção

Tempo de Preparo: 60 minutos

Grau de Dificuldade: Fácil

 

 

INGREDIENTES

 

300g de folha de uva
 

Recheio
2 xícaras rasas de arroz cru
500g de carne moída (duas vezes)
2 alhos socados
2 cortados ao meio
1 colher de chá rasa de sal
1 colher de café de Pimenta Syria
Suco de ½ limão
3 colheres de sopa de extrato de tomate
3 colheres de sopa de óleo

 

Para Cozinhar

3 colheres de sopa de extrato de tomate
Suco de ½ limãoSal - á gosto
1 colher de sopa de açúcar

Modo de Fazer

  • Afervente as folhas de uva até estarem moles, mas não a ponto de rasgar.

  • Corte o cabo de cada folha e abra-a do lado crespo para cima, pendurando-as pela borda do coador de macarrão.

Recheio

  • Misture todos os ingredientes.

Montagem e preparo

  • Recheie com 1 colher de sopa e enrole pela parte mais larga dobrando os lados em cima do recheio.

  • Dentro de uma panela, coloquw os charutos enrolados bem firme um ao lado do outro, fazendo camadas até terminar.

  • Acrescente 2 alhos cortados ao meio sobre as folhas.

  • Coloque um prato de cabeça pra baixo em cima das folhas, para evitar que
    quando a água seja colocada os charutos subam.

  • Acrescente em 1 litro de água quente, o extrato de tomate, limão, sal e açúcar.

  • Cubra as folhas de uva, deixar cozinhar em fogo médio, até os charutos estarem cozidos, deixando um pouco de caldo.
     

Dica: Se preferir, utilize folhas de couve (como a foto acima)  ou repolho.

 

 

 

 

Saiba mais sobre a Cozinha Judaica, clique aqui.


 

 

 

 

Para saber onde comprar os endereços dessa receita, clique aqui.

 

 

Voltar ao topo

 

 

Apoio:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ovadia Saadia Comunicações

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

|

|

 

Copyright ©  -  VB Bureau de Projetos e Textos

Atualizado em: 02 janeiro, 2018.